Ferramenta pretende facilitar moderação de comentários

porMaite Fernandez
Apr 3, 2013 em Jornalismo digital

"Nunca leia os comentários" poderia muito bem estar marcado em pedra como uma das regras básicas da Internet.

Por que se preocupar? Nos artigos controversos, o debate racional tende a ser invadido por comentários que variam de racistas, misóginos ou ofensivos a simplesmente ignorantes ou malucos. (Ou como no caso recente do incidente "Donglegate" por Adria Richards, todos os itens acima ao quadrado).

Apresentar os comentários tem sido uma batalha importante para os veículos de notícias, e com razão, já que a maioria do discurso público cada vez mais acontece online.

"Não nos encontramos mais na praça da cidade e discutimos os assuntos", disse Matt Hills, co-fundador da plataforma de avaliação social ProConIt durante um encontro da Online News Association DC.

A ideia da ProConIt veio quando Mills tentava decidir sobre qual de dois projetos iria se dedicar. Ele buscou na Internet por uma ferramenta automatizada que fosse ajudá-lo no processo de tomada de decisão e não achou nada.   Durante o desenvolvimento da ProConIt, Hills e seus colegas descobriram que o formato também poderia ter outras aplicações, como ferramenta de moderação do debate social para a mídia online.

Você começa criando um ProCon, um tópico de discussão apresentando dois lados de uma questão (um exemplo óbvio e oportuno pode ser o casamento gay). Os usuários podem, então, apresentar um parecer a favor ou contra a questão e/ou votar nas opções já apresentadas por outros usuários.

Através deste sistema de votação, os melhores comentários sobem ao topo, enquanto os comentários agressivos, fora do tópico, spam e etc são puxados para baixo.

A ferramenta também oferece alguma flexibilidade. Apesar dos temas de discussão permitirem apenas duas opções, as questões e os temas podem ser personalizados. Alguns meios de notícias a utilizam para iniciar conversas em torno de eventos esportivos (exemplo: este tópico de discussão pedindo ao leitor para escolher o vencedor de um jogo de basquete da liga americana.

ProConIt é fácil de incorporar e fornece diversas opções de moderação, como a capacidade de filtrar palavras negativas, integração com redes sociais, como login via Facebook e a opção para que os usuários comentem anonimamente.

Depois de um modelo freemium, o widget básico da ferramenta é gratuito. O pacote premium oferece personalização do widget, a opção de aderir a um programa de compartilhamento de anúncios, análises de site, e mais.

Foto cortesia de Alice Bartlett no Flickr

Maite Fernández é editora geral da IJNet. Ela é bilíngue em inglês e espanhol e tem pós-graduação em jornalismo multimídia pela Universidade de Maryland.