Jornalistas lançam projetos colaborativos para cobrir COVID-19

porStefanie Murray
Mar 17, 2020 em Reportagem sobre COVID-19
Trabalhando junto

Ter acesso a informações precisas pode significar a diferença entre a vida e a morte durante uma crise.

É por isso que agora jornalistas de todo o mundo estão trabalhando dia e noite para garantir que as pessoas em suas comunidades sejam informadas enquanto o novo coronavírus se espalha em nossos países, cidades e famílias.

É especialmente em momentos como esses que a colaboração pode ajudar.

Há muitas razões pelas quais colaborar faz sentido para o jornalismo agora: podemos nos apoiar melhor, evitar duplicação, diversificar nossa cobertura, ampliar o trabalho um do outro e expandir nosso próprio alcance. Comecei a coletar exemplos para que você possa ver por si mesmo o que está acontecendo e talvez se inspire para dar as mãos (virtuais) com outros criadores de mídia da sua comunidade.

Aqui está o que encontrei até agora:

Veículos de notícias de Oregon compartilham matérias 

Há um grupo de organizações de notícias no Oregon que trabalhou junto em vários projetos nos últimos anos, incluindo no Rattled: Oregon’s Concussion Discussion e Breaking The Silence. Agora eles estão trabalhando juntos novamente para cobrir o novo coronavírus.

John Schrag, editor executivo do Pamplin Media Group, me enviou um e-mail na semana passada dizendo que mais de uma dúzia de veículos de notícias concordaram em compartilhar e promover a cobertura sobre COVID-19. A ideia foi apresentada pela primeira vez por Les Zaitz, editor do Salem Reporter e Malheur Enterprise.

No final da semana passada, entre os colaboradores estavam o Bend BulletinStatesman Journal, Pamplin Media Group, KGW-TV, Malheur Enterprise, KOBI TVLund ReportOregon Public BroadcastingThe Oregonian/OregonLive, Salem Reporter, Street RootsEugene WeeklyEast OregonianJefferson Public RadioBeyond Well e Patch.com.

"O coronavírus sobrecarregará até as maiores redações, pois as notícias são divulgadas continuamente de noite e nos fins de semana". Therese Bottomly, editora do The Oregonian/OregonLive, escreveu em uma coluna sobre o esforço. “A colaboração permitirá que as redações obtenham boas informações de outras fontes, para que não precisem reportar a mesma história. Podemos cobrir mais ângulos dessa maneira.”

[Leia mais: Redações pequenas fazem investigação em grande escala através de colaboração]

First Draft planeja grande nova colaboração global sobre COVID-19

First Draft é mais conhecido por coordenar colaborações em todo o mundo para combater desinformação, especialmente nas eleições. Agora, o grupo está reunindo todos os seus parceiros de colaboração anteriores e existentes para trabalhar sobre COVID-19.

Esse é o maior esforço que conheço até agora relacionado a COVID-19. Os jornalistas que querem participar podem inscrever sua redação usando este formulário.

O First Draft também compilou tutoriais e guias úteis para reportagem responsável sobre o surto.

Resolve Philadelphia lança guia digital para reformular a reportagem sobre COVID-19

Resolve Philadelphia é uma colaboração que apoia jornalistas locais no fornecimento de "notícias e informações focadas em soluções, precisas e com foco nas pessoas". Nas últimas 72 horas, a organização entrou em contato com seus 24 parceiros de notícias na Filadélfia para ver o que eles precisavam e o que estava faltando em termpos de cobertura.

Em resposta, o Resolve criou um guia digital para reformular reportagens obre o coronavírus.

"Nossa equipe se esforçou para disponibilizar esse recurso para jornalistas e redações de todo o país que estão respondendo às necessidades urgentes de notícias e informações de suas comunidades", escreveu Cassie Haynes, codiretora executiva do Resolve, em um e-mail.

O guia será atualizado regularmente e inclui:

  1. Um guia para apresentar sua história responsavelmente.
  2. Recomendações de linguagem para escolhas de palavras que melhoram a compreensão.
  3. Um conjunto de gráficos de mídia social compartilháveis ​​com dicas rápidas para formular sua história.

O Resolve também está dirigindo um canal privado sobre COVID-19 no Slack para seus parceiros compartilharem e coordenarem reportagens, além de oferecer editores de edição, jornalismo de dados e engajamento da comunidade ao grupo, juntamente com sua plataforma de mensagens de texto SMS. Um dos parceiros do Resolve está trabalhando para traduzir reportagens colaborativas para o espanhol para ajudar a ampliar seu alcance para um público local crítico.

[Leia mais: Redações pequenas fazem investigação em grande escala através de colaboração]

Granite State News Collaborative adia projeto para focar sobre cobertura de COVID-19

Os membros do Granite State News Collaborative se encontraram para uma reunião remota do conselho editorial em 11 de março para discutir o planejamento da implantação do mais recente projeto do grupo quando perceberam que a situação estava mudando para todos.

"A discussão rapidamente se voltou para a crescente realidade de que nossos pontos de venda estavam começando a ver mais demanda por cobertura de COVID-19", disse Melanie Plenda, gerente de projetos colaborativos, por e-mail. "Um dos parceiros disse que aceitaria a cobertura de qualquer pessoa que quisesse compartilhar. Nesse momento, mudamos de marcha.

O grupo decidiu adiar o lançamento de seu mais recente projeto para concentrar totalmente seu esforço coletivo na cobertura de COVID-19. Também rapidamente procurou seus financiadores para ver se o grupo poderia usar seus recursos para ajudar os veículos a reportarem sobre a crise, e todos concordaram.

Entre as coisas que o grupo está fazendo:

  • Todos os parceiros concordaram em compartilhar conteúdo, usando uma pasta compartilhada do Google que inclui histórias, press releases e um plano para coordenar esse compartilhamento.
  • O grupo montou uma pesquisa para coletar perguntas que o público tinha sobre o vírus em um único local, depois divulgou essa informação aos parceiros.
  • Atribuiu histórias adicionais a freelancers que os parceiros não poderiam fazer por si mesmos.

Em seguida, o grupo está considerando como coordenar a cobertura conjunta de eventos e comunicados que têm importância em todo o estado e compartilhar um orçamento diário de notícias.

Nova colaboração da Carolina do Norte se mobiliza para projeto estadual

Na Carolina do Norte, o NC News Collaborative rapidamente começou a compartilhar conteúdo à medida que o surto de COVID-19 crescia nos EUA.

O grupo colaborativo é relativamente novo, composto por mais de 20 jornais em todo o estado. Robyn Tomlin, editor executivo do The (Raleigh) News & Observer and The (Durham) Herald-Sun, disse que o grupo também está trabalhando em um grande esforço de reportagem em todo o estado.

É provável que esse projeto seja publicado na próxima semana.

As estações de rádio públicas do Centro-Oeste se unem, oferecem conteúdo compartilhado

A Side Effects Public Media, uma colaboração pública de rádio focada em saúde, e a Indiana Public Broadcasting estão trabalhando com estações em todo o centro-oeste americano para cobrir o coronavírus. Suas oito estações parceiras estão em Kentucky, Ohio, Indiana, Illinois, Iowa e Missouri.

O grupo desenvolveu rapidamente uma série de recursos sobre o impacto de COVID-19 em escolas, centros de idosos e igrejas. Também faz um resumo diário das notícias sobre coronavírus do centro-oeste e compilou uma lista de perguntas e respostas, segundo Dave Rosenthal, editor-gerente do Side Effects.

Rosenthal coletou perguntas dos ouvintes e decidiu responder as perguntas mais frequentes que estava vendo nas reportagens de rádio e online.

Rede de vozes locais configuram banco de dados para conversas virtuais

A Local Voices Network de Cortico se descreve como uma "rede físico-digital projetada para trazer vozes, perspectivas e histórias da comunidade ao centro de um diálogo público mais saudável". Na prática, a LVN reúne pessoas nos locais em que trabalha em torno de uma “lareira digital” para conversas gravadas, arquivadas e compartilhadas.

Max Resnik, líder de mídia e jornalismo de Cortico, me disse que a organização está trabalhando em um protocolo de gravação Zoom para incentivar mais conversas no estilo LVN.

"Gostaríamos que nosso banco de dados servisse como um local de colaboração para conversas em redações que trabalham com cobertura de vírus", disse Resnik em um e-mail. Ele espera compartilhar mais em breve.

NJ New Commons e NJ College News Commons compartilham histórias e dicas

Por fim, o NJ News Commons e NJ College News Commons -- as principais redes de organizações de mídia locais e do campus em Nova Jersey -- estão trabalhando juntos para compartilhar histórias e reportagens usando Nordot.

Também estamos trabalhando para organizar chamadas de grupo e sessões entre colegas para dar aos nossos parceiros a chance de fazer perguntas e compartilhar dicas, à medida que continuam a cobrir a pandemia, incluindo uma sessão de perguntas no final desta semana com Steve Stirling, da newsletter Coronaviral.

Mais alguma iniciativa? Conte para mim!

Também ouvi da Reveal/The Center for Investigative Reporting e Granite State News Collaborative sobre seus projetos COVID-19, e compartilharei detalhes quando os tiver.

Se você estiver trabalhando em uma colaboração sobre o novo coronavírus, escreva para mim: murrayst@montclair.edu.


Este artigo foi publicado originalmente pelo Centro para Mídia Cooperativa e pela Faculdade de Comunicação e Mídia da Montclair State University. Foi republicado na IJNet com permissão. 

Imagem sob licença CC no Unsplash via Charles Deluvio