Fracassar na primeira vez como empreendedor pode levar a um projeto de sucesso

por Ahmed Esmat
Apr 8, 2015 em Jornalismo digital

Em maio de 2014, a IJNet em Árabe lançou um centro de tutoria virtual e escolheu oito jornalistas empreendedores no Oriente Médio e Norte da África em necessidade de aconselhamento financeiro e digital para tirar suas startups do papel. Dois mentores guiaram os jornalistas durante o ano. Aqui o mentor Ahmed Esmat compartilha suas dicas para jovens empreendores que têm medo do fracasso.

Depois de completar sete meses de trabalho consecutivo para o Fórum de Jornalismo de Alexandria, em abril de 2014, eu estava fisicamente e mentalmente exausto. Meu plano era descansar por uma semana inteira, até que recebi um e-mail do Centro Internacional para Jornalistas (ICFJ, em inglês).

Eu conhecia o ICFJ, porque há muitos anos participei de uma oficina do ICFJ Anywhere sobre "O uso de ferramentas digitais em reportagens de serviço público". O ICFJ me pediu para ser mentor no novo centro de tutoria virtual da IJNet para empreendedores de jornalismo na região do Oriente Médio e Norte da África. Depois de ler o e-mail, meu cansaço desapareceu.

Eu tenho um entusiasmo ardente de trabalhar com jovens jornalistas e repórteres em projetos que apoiam o empreendedorismo jornalístico, que é muito necessário no mundo árabe. Como mentor, fui responsável por ajudar jovens empresários da região a melhorar e avançar seus projetos inovadores de jornalismo.

Ao longo do processo, percebi que existem três passos para o sucesso: o desejo de ensinar e aprender, o espírito de perseverança e ter um plano claro e detalhado.

Em preparação para o centro de mentoria, avaliei projetos de candidatos do Iêmen, Tunísia e Marrocos. Depois de ter escolhido oito projetos de toda a região, tentamos descobrir como poderíamos elaborar um plano de orientação específico que fosse construir suas técnicas de gestão, planejamento e estratégica-digitais. Estes conjuntos de habilidades foram essenciais para o desenvolvimento de seus projetos.

Os desafios mais comuns enfrentados foram o medo do fracasso, a falta de competências de gestão e problemas financeiros. Aqui, vamos discutir o primeiro desafio: o fracasso.

O medo do fracasso é uma faca de dois gumes. Pode disparar a adrenalina em sua corrente sanguínea e forçá-lo a trabalhar com agilidade e paixão. Ou pode ter o efeito contrário e causar depressão, fazendo que você imagine desculpas para o seu fracasso.

Eu sabia o que os orientandos estavam passando, porque tinha experimentado as mesmas emoções quando eu comecei a Alex Agenda Magazine e Media Forum Alexandria.

Quando comecei o meu projeto, em 2006, eu estava apavorado. Eu estava com medo de encontrar instabilidade na carreira depois de ter pedido demissão do meu emprego anterior e temia perdas financeiras. Também estava preocupado com que outros iam pensar se eu fracassasse. O meu projeto ia encontrar o seu lugar no mercado? O meu futuro estava seguro? Eu estava em pânico.

Estou certo de que você já ouviu centenas de palestras motivacionais sobre paixão, perseverança e coragem - coisas que eu mesmo sempre ouço. No entanto, o meu conselho é diferente da maioria das pessoas e pode chocar: "Fracasse. Sim, caia por terra. "

Aprenda com seus erros e fracassos. Se você não cair e aprender com seus erros, você vai repetir os mesmos erros em projetos futuros.

Muitos fatores podem causar uma falha. Você precisa reconhecer seus medos de fracasso e refocá-los como seus aliados para ter sucesso como pioneiro no campo do jornalismo local ou digital.

Aqui está uma pequena lista do que pode fazer com que os empresários sofram de ansiedade:

  • Temperamento ruim
  • Carga horária
  • Recusar a aceitar críticas
  • As atitudes negativas
  • Dar desculpas
  • Vaidade

Você tem que aceitar as críticas e ouvir objetivamente os pontos fracos em seu projeto e trabalhar com eles de forma positiva, vendo-os como desafios, em vez de defeitos. Você nunca deve sucumbir aos obstáculos no caminho de realizar o seu sonho de ter seu próprio projeto jornalístico.

Lembre-se que você já possui uma qualidade diferencial como empreendedor que também acrescenta a seus pontos fortes - é a sua capacidade de tomar decisões difíceis, que você já exerceu ao tomar a decisão de iniciar seu primeiro projeto. Portanto, você é capaz de tomar decisões mais difíceis e firmes, que tornam você impermeável ao fracasso ou ao medo do fracasso.

Não se esqueça de que você, como empreendedor, possui uma bússola interna que guia o seu caminho; esta bússula o levará ao objetivo que você está buscando alcançar. Seu projeto é o farol orientador guiando-o pelas noites mais escuras e mares mais turbulentos de desafios. Não deixe que o fracasso derruba você. Levante a cada fracasso e deixe seus interesses motivá-lo a encarar o fracasso usando todos os seus recursos, paixão e perseverança.  

Siga Ahmed Esmat no Twitter: @ahmedesmat 

Imagem sob licença CC no Flickr via Tom Wachtel