Criando espaço para o jornalismo narrativo na Internet

نوشتهJessica Weiss
Aug 28, 2010 در Jornalismo digital

Hoje, na era das distrações, muitos de nós já deram um adeus à capacidade de manter a atenção, sucumbindo aos intermináveis barulhinhos de mensagens de texto, celular, Twitter e…

Ah, agora eu é que me distrai.

Temos que aceitar: a maioria das pessoas não tem o tempo nem a capacidade para manter a atenção para ler jornalismo narrativo (também conhecido como jornalismo literário ou novo jornalismo). Diferente dos artigos noticiosos sólidos, que respondem o quem/o quê/onde/quando/por quê da notícia, os artigos narrativos podem ter até 8.000 palavras. Há em inglês uma abreviação sobre a falta de tempo de ler estes artigos na Internet ,"tl;dr" ou "too long, didn't read" (comprido demais, não li).

Apesar de exisitr jornalismo narrativo na Internet, o desafio é fazer com que os leitores parem e leiam. (Veja o argumento do Slate para o jornalismo narrativo aqui, em inglês).

Esta semana, Mallary Jean Tenore do Poynter explorou algumas das novas ferramentas para conseguir que os leitores se interessem por artigos de jornalismo narrativo na Internet e as mentes por trás dessas ferramentas. Dirigir o tráfego a artigos de jornalismo narrativo na Internet “pode dar aos editores mais motivos para produzí-los", disse Tenore.

Você utiliza alguma destas ferramentas? Se não, gostaria de utlizar? Compartilhe sua opinião.