Webb na Web: Como publicar notícias urgentes em vídeo do seu telefone

por Amy Webb
Aug 17, 2012 em Jornalismo digital

Durante a Primavera Árabe, o mundo conheceu o poder dos telefones celulares. Repórteres-cidadãos e jornalistas profissionais usaram seus celulares para tirar fotos e compartilhá-las em redes sociais, além de carregar vídeos no YouTube.

Os órgãos de imprensa estão aprendendo a trabalhar com as pessoas no campo, mas todos concordam que este conteúdo é inestimável. Se você precisa de uma prova extra para confirmar a importância dos vídeos gerados pelo usuários, dê uma olhada neste relatório recente da BBC Trust (PDF, em inglês).

O relatório conclui, entre outras coisas, que:

"O grande e novo desafio da 'Primavera Árabe', como fenômeno de mídia, foi a explosão do 'conteúdo gerado pelo usuário' (ou UGC, em inglês), combinado com a necessidade de contar com o mesmo, porque o acesso direto à notícia é muitas vezes negado ou impedido."

Eu gostaria de destacar uma fantástica aplicação para Android e iPhones que é um sinal real do que está por vir. A nova versão da SocialCam, recentemente relançada, é um aplicativo de compartilhamento gratuito de vídeo. A maioria das pessoas gosta dessa versão porque os vídeos podem ser facilmente compartilhados via SMS, email, Twitter, YouTube e Facebook.

Mas uma das características muito interessantes da SocialCam é que você pode editar vídeo, sobrepor música e criar gráficos -- a partir do seu telefone. Dê uma olhada nesta notícia de última hora que eu criei em menos de um minuto. Pude filmar e editar o vídeo, adicionar música e também gráficos, tudo isso com o meu telefone. (Não fique muito animado... a notícia é que eu não tinha minha bebida da manhã.)

Recomendo experimentar com a SocialCam e ver como pode ser útil a sua redação. Existem muitos aplicativos semelhantes a caminho; portanto, espere e verá mais maneiras de criar e distribuir vídeos do seu telefone celular até o final deste ano.

Amy Webb é presidente do Webbmedia Group, uma agência de estratégia digital internacional que estuda tecnologias inovadoras e aconselha uma banco de clientes em todo o mundo da Fortune 100 e 1000 empresas globais, agências governamentais, organizações de mídia e fundações. Ela é a co-fundadora da SparkCamp e uma investidora e conselheira ativa. Seu novo livro, "Data: A Love Story" (em tradução livre, "Dados: Uma História de Amor") será publicado pela editora Penguin a partir de 31 de janeiro. Qualquer opinião sobre produtos ou serviços é formada após testes, pesquisas e entrevistas. Nem Amy Webb nem o Webbmedia Group ou seus empregados recebem quaisquer benefícios financeiros ou de outro tipo de clientes.