Site IndieVoices de crowdfunding expande sua missão para combater 'divisão de engajamento'

por Jessica Weiss
May 12, 2014 em Diversos

Se você planeja angariar dinheiro do público para um projeto de mídia, não deve seguir o ditado: "Se construir, eles virão". Em vez disso, deve "construir e engajar", disse o jornalista sérvio Sasa Vucinic.

Vucinic fundou o site IndieVoices de crowdfunding (financiamento coletivo) como um mercado para combinar ideias de mídia inovadoras com investidores socialmente motivados. Ele se concentra em projetos em países em desenvolvimento.

A plataforma, lançada em novembro, atraiu "ideias bonitas, originais e criativas", disse Vucinic à IJNet. Mas a sua "taxa de conversão em projetos de mídia plenos, bem explicados e convincentes e campanhas de crowdfunding prontos para serem listados na plataforma é incrivelmente baixa."

Então, o que impede essas grandes ideias de se transformarem em algo maior? Vucinic disse que uma "divisão de engajamento" separa os empresários de mídia que possuem as habilidades para executar uma campanha de crowdfunding de sucesso daqueles que não o fazem.

"Compreender a importância e desenvolver as habilidades para se envolver com o próprio público é uma condição prévia para um crowdfunding bem sucedido", disse ele. Identificar e engajar potenciais doadores e parceiros através das mídias sociais é fundamental, segundo ele, porque "esse é o canal que todos nós usamos para falar com as pessoas que compartilham nossos interesses."

Porque os primeiros meses da IndieVoices mostrou que muitos empresários de mídia promissores não tem esse entendimento, a organização expandiu sua missão para ensiná-los a envolver o seu público potencial. Para isso, estabeleceu a Fundação Independent Voices que pretende promover o engajamento público e crowdfunding como uma solução potencial para o problema da sustentabilidade financeira para a mídia independente.

A fundação também planeja desenvolver ferramentas específicas para crowdfunding de projetos de mídia que podem ajudar o proprietário do projeto a criar e focar suas campanhas. Isto incluirá estudos de caso e resumos das melhores práticas. Também planeja arrecadar fundos para ajudar a subsidiar o engajamento em campanhas de crowdfunding importantes.

Quais são as chaves para um apelo de crowdfunding bem sucedido? "O que aprendemos até agora observando os projetos incluídos na nossa própria plataforma é que uma boa campanha de crowdfunding em primeiro lugar tem de ser única e memorável", disse Vucinic. "Daí, tem que ter o poder de motivar as pessoas a querer fazer alguma coisa ou ver algo feito ou mudar algo. "

A boa campanha oferece sincera e genuinamente uma maneira de participar aos potenciais doadores. "O público é muito rápido em detectar se esta oferta para participar é verdadeira ou não", disse ele.

A campanha, como uma matéria jornalística ou produto de mídia, também deve atingir um público específico. "Você tem de concentrar uma campanha no seu público-alvo; tem que chegar a seus seguidores de base e às pessoas semelhantes a você que poderia identificar na multidão", disse Vucinic.

A mensagem da campanha deve apelar ao sentimento de missão do doador. A descrição do projeto não deve ser "nos ajude a comprar um drone fotográfico, doando 50 dólares", disse ele. Em vez disso, explique o que realmente significa fazer essa doação. Isso pode ser: "Torne-se um dos fundadores do jornalismo drone na Malásia, com um investimento de apenas 50 dólares."

Jessica Weiss é uma jornalista americana com base na Colômbia.

Imagem sob licença CC no Flickr via Simon Cunningham