Seis estratégias digitais que explicam o sucesso do jornal La Nación

porvgimenez
Dec 7, 2011 em Diversos

Como os jornais podem melhor se adaptar à era digital é um assunto de muito debate.

O jornal argentino La Nación está acertando na fórmula. Pelo segundo ano consecutivo, o lanacion.com ganhou o prêmio geral de excelência para o melhor site em idioma não-inglês da Associação de Notícias Online (ONA, em inglês).

O juiz da ONA juiz e fundador do Centro Knight para o Jornalismo nas Américas, Rosental Alves, disse que a forma com que o site utiliza ferramentas novas, principalmente o jornalismo de dados, está ajudando a torná-lo um vencedor.

O editor assistente de gestão multimídia, Gastón Roitberg, conversou com a IJNet sobre a estratégia digital do jornal.

Roitberg disse que a equipe do site melhorou muito a apresentação visual do conteúdo. Além disso, os jornalistas do La Nación perceberam que o jornalismo de dados cria "um pacto forte pacto com o público" e permite os cidadãos "abrir os olhos ou colocar em contexto os dados impactam a vida diária."

Aqui estão seis estratégias seguidas pelo site:

- Tenha o usuário em "um lugar central". Roitberg disse que o jornal fez um investimento de longo prazo na inovação em novas plataformas de mídia. Dito isto, o site é considerado um lugar seguro para experimentar e não ter medo de tentar novas formas de gerar o envolvimento do leitor.

- Explore as novas tendêcias no jornalismo. O La Nación criou um grupo de desenvolvimento de multimídia, considerado essencial para explorar as novas tendências, incluindo o jornalismo de dados. "Há uma riqueza de informações... é o cruzamente onde a pesquisa e jornalismo podem dar uma contribuição enorme à sociedade", disse Roitberg.

- Treinamento constante da equipe. Para chegar a qualquer nenhum com as novas ferramentas de jornalismo, você precisa de funcionários bem treinados. O grupo de desenvolvimento de multimídia também treina jornalistas para implementar novas ferramentas. O site agora tem um grupo multidisciplinar treinado de profissionais entusiasmados e habilitados no conceito de dados abertos.

- Comece com ferramentas fáceis: Roitberg destacou o uso de duas ferramentas que "qualquer jornalista, programador ou designer interativo pode usar": Tableau e ManyEyes.

- Use jornalismo de dados para todos os tipos de matérias: "Qualquer fato relevante que você pode organizar a partir de um conjunto de dados pode ser mostrado com jornalismo de dados", observou Roitberg. Exemplos incluem orçamentos da administração pública, estatísticas de esporte, questões ambientais e todos os tipos de informação econômica e financeira.

- Convergência das redações: No La Nación há uma cooperação significativa entre a versão impressa e a digital, a tal ponto que muitos jornalistas do jornal também estão envolvidos na edição online, Roitberg disse. Ele vê a convergência das redações como fundamental e deve estar presente em cada equipe. "É uma questão de atitude e de adaptação aos tempos em que vivemos", disse ele.

Este artigo foi publicado originalmente na edição espanhol da IJNet.