Repórteres que investigaram barões de drogas no México e atrocidades de Pol Pot no Camboja ganham Prêmio Knight

porIJNet
Jun 25, 2011 em Temas especializados

Repórteres mexicanos que investigaram violentos cartéis da droga e um jornalista cambojano que descobriu os segredos do regime de Pol Pot ganharam o Prêmio Knight de Jornalismo Internacional de 2011.

Rocío Idalia Gallegos Rodríguez e Sandra Rodríguez Nieto são repórteres investigativas na cidade talvez mais perigosa do mundo. Apesar de enormes riscos, seu trabalho registrou a guerra das drogas que vem causando estragos na Ciudad Juárez e outros lugares ao longo da fronteira EUA-México.

"Enquanto outros são silenciados por ameaças e ataques, estas mulheres enfrentaram os cartéis mais temidos e cruéis que se pode imaginar", disse José Zamora da Fundação John S. e James L. Knight.

O jornalista cambojano Thet Sambath levou uma década para produzir sem dúvida o mais importante documentário sobre o Khmer Vermelho. Trabalhando com o cineasta britânico Rob Lemkin, Sambath transformou as entrevistas no premiado documentário “Enemies of the People”. O filme vai ser usado como prova no julgamento de Nuon Chea.

Os vencedores do Prêmio Knight de Jornalismo Internacional de 2011 foram anunciados pelo Centro Internacional para Jornalistas(ICFJ) no Newseum em Washington no dia 21 de junho.