Rede Global de Editores cria centro online de jornalismo de dados

porTaylor Mulcahey
Mar 13, 2018 em Jornalismo de dados

O jornalismo de dados é uma parte crítica do desenvolvimento da redação e inovação na mídia, mas, muitas vezes, as pessoas que trabalham no campo estão espalhadas por diferentes regiões, posições e indústrias. Num campo com numerosas especializações e tecnologias em rápida mudança, a colaboração entre fronteiras e diciplinas é necessária para o sucesso.

A Rede Global de Editores (GEN, em inglês), com sede em Paris, tem como objetivo abordar essa disparidade, lançando o Data Journalism Den, um portal dedicado a tudo relacionado com jornalismo de dados.

Teemu Henriksson, que assumirá o cargo de diretor do Den, disse que, à medida que o campo do jornalismo de dados emerge das margens para a mídia tradicional, há um grupo crescente mas disperso de pessoas interessadas em jornalismo de dados.

"Existem sites que lidam com o jornalismo de dados", disse Henriksson, "mas não há uma plataforma ou um centro que reúna todas essas ideias de forma centralizada."

De acordo com Bertrand Pecquerie, o CEO da GEN: "A colaboração, ou o que chamamos de 'matchmaking' [parceria] da plataforma, é o principal desafio que pretendemos abordar."

Para conseguir isso, o site é organizado em cinco seções: notícias, comunidade, matchmaking, armazenamento de dados e trabalhos.

A seção de notícias será usada para destacar matérias, visualizações, ferramentas e melhores práticas de jornalismo de dados, na tentativa de manter os usuários atualizados e inspirados. Estes também serão apresentados na newsletter, que será enviada nas segundas, quartas e sextas-feiras de cada semana.

"Queremos fornecer um balcão único para esse tipo de informação", disse Henriksson, "para que pessoas interessadas em jornalismo de dados possam nos seguir."

As seções de comunidade e parceria serão usadas para abordar o objetivo principal do GEN: colaboração. Embora a seção de comunidade tenha como objetivo promover a criação de redes, com perfis detalhados e mensagens diretas para contato com outros usuários, a seção de parceria será mais específica.

A GEN prevê que essa seção seja um lugar onde as pessoas possam encontrar colaboradores para projetos específicos. Freelancers, redações, designers e tecnólogos podem se conectar entre países e fronteiras para criar matérias baseadas em dados.

Outro desafio para os jornalistas de dados é o compartilhamento de ferramentas e dados. Embora muitos jornalistas publiquem seus dados e códigos ao lado de seus artigos, pode ser difícil para outros encontrar conjuntos de dados completos e ferramentas online. "É aí que esperamos ajudar", disse Henricksson, catalogando dados e ferramentas que já estão disponíveis no armazenamento de dados do Den.

A seção final será o primeiro quadro de empregos dedicado especificamente aos trabalhos de jornalismo de dados.

Apoiado pela Google Digital News Initiative e Open Society Foundations, o site é aberto a jornalistas, codificadores, designers, empresas, ONGs e qualquer outra pessoa com interesse no jornalismo de dados.

Embora a data de lançamento exata não tenha sido estabelecida, os usuários poderão acessar as três primeiras seções do Den --notícias, comunidade e matchmaking-- em meados de março e o banco de armazenamento de dados e de emprego até o final de março.

"O jornalismo de dados é um campo tão próspero na mídia", disse Henriksson, que trabalha no site desde novembro. "Acho que esta será uma ótima oportunidade para ajudar o jornalismo de dados a prosperar, crescer e expandir."

Imagem sob licença CC no Pexels via Lukas