Jornalismo de dados: Três ferramentas para começar

porMaite Fernandez
May 4, 2012 em Diversos

Jornalistas agora têm um guia gratuito, porém valioso, para iniciar projetos ambiciosos de jornalismo de dados ou descobrir novas ferramentas para usar no trabalho diário.

O novo Data Journalism Handbook é um esforço de mais de 70 colaboradores em todo o mundo, incluindo jornalistas de dados do ProPublica, Guardian e New York Times.

Anunciado como um recurso útil para quem pensa que poderia estar interessado em se tornar um jornalista de dados, ou utilizar o jornalismo de dados, o livro foca em como obter, processar, analisar e distribuir dados.

A IJNet deu uma olhada no guia e escolheu estas três ferramentas de visualização de dados como um excelente ponto de partida para jornalistas que querem experimentar com o jornalismo de dados:

- Tableau Public

Esta ferramenta para download é útil para criar visualizações interativas de dados. Não requer nenhuma habilidade de programação e a versão gratuita tem um limite de 100.000 linhas de dados em um único arquivo.

Advertência: Só funciona em PCs, mas uma versão para Macs está em planejamento.

O site inclui uma longa lista de tutoriais e dispõe de treinamento ao vivo gratuito também.

- Planilhas do Google

Esta ferramenta permite criar uma variedade de gráficos em barras ou tortas, mapas, etc, a partir de uma planilha no Google Docs. É fácil de usar e funciona bem com gráficos do Excel.

Para um tutorial passo-a-passo, confira este post.

- Piktochart

Este aplicativo "freemium" permite criar infográficos legais em pouco tempo. A versão gratuita oferece três modelos para escolher e os usuários podem personalizar e adicionar elementos, arrastando e jogando.

Desvantagem: A versão gratuita somente permite que você baixe o infográfico como imagem. A versão Pro (US$14.99 por mês) oferece mais modelos (mais de 30) e a opção para baixar o infográfico como HTML ou dados brutos.

Outras ferramentas úteis que aparecem na “lista do guia” incluem Google Fusion Tables e Many Eyes, apresentadas pela IJNet aqui e aqui.

Uma versão digital do livro está disponível gratuitamente sob uma licença CC (Creative Commons) aqui. Você também pode comprar uma cópia impressa aqui.

Imagem: Mapa da pobreza de Londres, criado pelo jornal Guardian com Google Fusion Tables.