Treinamento em mídia social dá voz a Índia rural

porLindsay Kalter
Aug 22, 2011 em Diversos

Uma ONG de direitos humanos, Video Volunteers, fundada em 2003, está utilizando a mídia social para ampliar a voz de seus participantes.

A organização conscientiza sobre áreas obscuras e carentes através do treinamento em mídia comunitária para cidadãos informarem sobre temas sociais de urgência.

Sua iniciativa IndiaUnheard dispõe de correspondentes comunitários espalhados em 24 estados indianos, presenciando os efeitos de abordagens locais em aspectos da vida LGBT, suprimento de água, educação e saúde.

Em uma entrevista a IJNet, Jessica Mayberry, Video Volunteers, fundadora do Video Volunteers, e Siddharth Pillai, coordenadora de comunicações do grupo, contam sobre o processo de treinamento em que levam nova mídia para áreas rurais, além dos projetos atuais.

IJNet: Como vocês encontram e selecionam correspondentes comunitários?

SP: A chamada para nomeações é feita por e-mail, Facebook, Twitter e vários fóruns online para uma rede de ONGs, ativistas e outros indivíduos que são encorajados a nomear conhecidos e colaboradores que satisfazem os critérios de seleção. Quando o prazo final passa, nossos coordenadores de projeto entrevistam os candidatos.

JM: Temos uma rede forte de ONGs na Índia. Mas há um desafio em identificar os produtores de mídia comunitária no país, quando você está localizado em um lugar (em nosso caso, Goa.) Então no futuro, planejamos começar a expandir nossa rede regionalmente – enfocar em áreas ignoradas pela mídia.

IJNet: O que o processo de treinamento envolve?

SP: O treinamento em mídia social é básico. A maior parte dos correspondentes são de regiões remotas e mais marginalizadas do pais e da sociedade. Alguns até mesmo não tem familiaridade com computadores. O sumário do treinamento é o seguinte:

Tópicos de Redes Sociais:

· Facebook

· YouTube

· SMS Gratuito

  1. Introdução a Rede Social – Por quê?

Explicar resumidamente aos participantes o que fazem as redes sociais. Conectam as pessoas e constroem comunidades online...

Dizer por que é importante para a mídia comunitária:

· Nossos vídeos podem ser assistidos de qualquer lugar do mundo gratuitamente

· Podemos promover nossos vídeos em fóruns múltiplos

· Podemos contar para as pessoas sobre nossos programas, eventos, noticias (por exemplo, o programa Newsx)

· Podemos atrair seguidores ou uma base de fãs que vai nos apoiar.

  1. Mostrar aos participantes como acessar estes sites na Internet: Facebook e YouTube, Way2SMS

IJNet: Que tipo de equipamento é fornecido aos correspondentes comunitários?

SP: Os correspondentes comunitários recebem uma câmera Kodak Zi8 com acessórios básicos e um kit de ferramentas de mídia comunitária. Eles são pagos Rs. 1300/- por vídeo (cerca de US$30), incluindo o custo de acessar a Internet e fazer DVDs de suas gravações no cybercafé local.

JM: No momento, não fornecemos computadores, então fazemos a edição do vídeo de acordo com o roteiro.

IJNet: O que os correspondentes comunitários estão fazendo agora?

SP: Além dos vídeos regulares, estão trabalhando em uma campanha sobre a mudança climática em colaboração com a ONG Laya, um projeto de vídeo do PNUPD One Day on Earth e uma campanha contra remoções ilegais no nordeste do país em colaboração com o WITNESS.

Para mais sobre o Video Volunteers, clique aqui.