Seis dicas para buscas de notícias no YouTube

porمي اليان
Jun 5, 2011 em Diversos

A cada minuto, 35 horas de vídeo são enviadas para o YouTube através de telefones inteligentes. Qualquer um pode fazer upload de vídeos na Internet -- alguns são de notícia, enquanto outros podem ser um total desperdício de tempo.

Desde vídeos sobre o vulcão na Islândia a um Natal sem neve na Flórida, como um jornalista pode encontrar vídeos quentes, virais e/ou oportunos?

Aqui estão seis das melhores dicas sobre como usar o serviço de vídeo do YouTube em redações e alguns conselhos para se ter em mente ao pesquisar as listas.

A IJNet reuniu essas dicas de um webinar para jornalistas -- “Finding Newsworthy Video Online”-- organizado pela Radio Television Digital News Association RTDNA e conduzido por Kevin Allocca, gerente de tendências do YouTube. (Você pode encontrar mais oportunidades como esta no nosso boletim semanal gratuito).

1 - Para encontrar 'o vídeo mais popular do dia ", comece olhando o Youtube charts, onde você pode ver os vídeos mais vistos de um determinado dia, semana ou mês em uma determinada região. Ajuste a sua pesquisa de acordo com os interesses do seu público. O que é viral em uma região pode não ser em outro.

2 - O Citizentube é uma espécie de destino das notícias urgentes. Promovido em parceria com o Storyful, o Citizentube está repleto de grandes acontecimentos mundiais. Por exemplo, você pode encontrar uma lista de vídeos enviados todos os dias durante a revolução de janeiro 2011 no Egito e seguir a progressão dos vídeos postados a cada dia.

3 - Utilize o recurso de pesquisa. Parece óbvio, mas é fundamental. A chave? Filtrar, filtrar e filtrar por cidade ou país. Para filtrar, use palavras-chave. Em uma situação de notícias urgentes, fazer buscas ainda é a forma mais eficiente", observou Allocca, para encontrar rapidamente clips sobre um determinado tema.

4 - O Youtubetrends agrega tudo o que é interessante e viral em um único local. Ajuda a identificar os vídeos mais distribuidos por blogs ou compartilhados . Duas vezes por dia Allocca carrega quatro vídeos que receberam o maior número de comentários naquele dia em particular. Use esse recurso em artigos (por exemplo, assista aos nove vídeos mais vistos no YouTube dessa semana), ideias de pauta, ou para suporte de dados (como material suplementar; imagens de diferentes cidadãos na área).

Você também pode assinar a newsletter recém-lançada para receber e-mails diários com as tendências -- um serviço ainda limitado a um pequeno grupo de jornalistas.

5 - TrendsDashboard: Acessível a partir do site Trends, que oferece os vídeos mais compartilhados em um determinado país. Você pode comparar o que é popular nos EUA com o que está quente na Rússia e México, por exemplo. Também mostra a audiência por gênero e idade.

6 - Youtube for Media: Trata-se de um centro de informações sobre questões de interesse para a retransmissão. Você pode encontrar informações sobre como encontrar vídeos em alta resolução e como dar crédito ao criador do material e ao YouTube.

Não esqueça: Os funcionários do YouTube não são jornalistas. "Nossa missão é organizar os vídeos que as pessoas estão procurando", disse Allocca. Isso significa que ainda é responsabilidade dos jornalistas verificar o conteúdo. Para verificar a proveniência do vídeo, entre em contato com pessoa que enviou o vídeo, mandando uma mensagem através do seu canal no YouTube.