Quatro sites de vídeos de notícias digitais que você deve conhecer

porMargaret Looney
Apr 1, 2014 em Redes sociais

O vídeo de notícias online está em ascensão, mas nem todos os veículos de comunicação estão embarcando no mesmo ritmo nessa onda.

Startups de notícias digitalmente nativas sem vínculos com plataformas tradicionais deram uns dos maiores passos na indústria jornalística no ano passado, de acordo com o mais recente relatório State of the News Media (Estado da Mídia de Notícias) do Centro de Pesquisas Pew que focou em vídeo.

Há ainda muitos aspectos dos vídeo de notícias digitais que a indústria de notícias deve resolver este ano --como receita publicitária, conteúdo gerado pelo usuário e alcançar o público-alvo-- mas o relatório destaca algumas organizações de notícias que estão abrindo o caminho:

O Huffington Post está agitando a cena com o HuffPost Live, um canal de notícias somente online que apresenta oito horas de transmissão ao vivo com bate-papos informais diariamente entre especialistas e jornalistas HuffPo. Acumulando 2 milhões de espectadores a cada mês e 13 milhões de espectadores on-demand, o experimento foi um modelo de sucesso para outros veículos digitalmente nativas.

No ano passado, o Texas Tribune abraçou o espírito de startups com sua campanha na Kickstarter pedindo equipamento para transmitir ao vivo a corrida para governador do estado. Com o público da organização sem fins lucrativos claramente a favor de ter mais vídeos online, o veículo atingiu a sua meta de captação de recursos de US$60.000 em apenas três semanas. E realizou seu primeiro evento ao vivo em janeiro, e agora faz transmissões ao vivo uma ou duas vezes por semana.

A empresa multimídia Vice Media, cujas notícias de entretenimento e esportes são muito populares entre o público mais jovem, continuou a investir em jornalismo e vídeo. Em fevereiro, o site lançou um portal beta de notícias. O site planeja apresentar 50 posts por dia, em vários tópicos. Estes serão uma combinação de pacotes de transmissão ao vivo e pacotes produzidos feitos com tecnologia mais recente como drones e Google Glass. Junte isso ao potencial de 77 milhões de visualizações de vídeos mensais que já tem e certamente será um motor e agitador de notícias em vídeo este ano.

A tradicional NBC News está recorrendo a startups de vídeo para ganhar uma posição no espaço de notícias digital, com recentes investimentos nos programas NowThis News e Stringwire. Em agosto de 2013, a NBC fechou um acordo para usar os vídeos de testemunhas oculares do Stringwire, que os usuários carregam em tempo real via celular, em suas matérias com as últimas notícias. As imagens podem ser enviadas diretamente para a equipe editorial da NBC e apresentadas na TV ou na Web. E com uma pequena participação na empresa de microvídeo NowThis News, a NBC está buscando o mercado de vídeo móvel também, um passo inteligente quando o prognóstico para plataformas móveis é de crescer vertiginosamente em consumo de vídeo.

Via Pew Research Center: State of the News Media 2014

Margaret Looney, assistente editorial da IJNet,escreve sobre as últimas tendências de mídia, ferramentas de reportagem e recursos de jornalismo.

Imagem sob licença CC no Flickr via Phil Nolan