Inovadores de mídia testam protótipos com fundos Knight

por IJNet
Jan 29, 2014 em Diversos

Um aplicativo que ajuda moradores de Detroit a utilizar dados sobre sua cidade; uma ferramenta de mineração de dados para jornalistas seguirem notícias de última hora; e um aplicativo móvel que irá verificar o conteúdo de redes sociais estão entre os vencedores da última rodada do Knight Prototype Fund, uma competição que concede US$$35.000 em financiamento a projetos de mídia e informação em estágios iniciais.

O Prototype Fund (Fundo Protótipo), lançado em junho de 2012, permite que inovadores testem suas ideias antes de desenvolverem um projeto completo. Nesta rodada, a competição também fornece treinamento em planejamento de projetos e design centrado no usuário.

Vencedores do Fundo Protótipo anterior do mundo do jornalismo e mídia incluem o aplicativo Truth Teller do Washington Post e o OpenGenderTracking Project.

Os 24 vencedores desta rodada destacam o "papel crescente de designers como solucionadores de problemas da comunidade, com foco na melhoria da vida cívica e em enfrentar os desafios de suas próprias cidades e bairros", explica a Knight Foundation em um comunicado.

Entre os vencedores:

Argos faz com que "o conteúdo de notícias [seja] de fácil digestão através da construção de uma plataforma de notícias centrada no design que agrega e analisa notícias e cria panos de fundo de notícias concisas, incluindo ideias e conexões a respeito de histórias específicas."

Bocoup vai realizar uma pesquisa e criar um guia com as melhores práticas para a visualização de dados móvel.

Civic Ninjas é "um aplicativo para ajudar o público a identificar e visualizar significativos dados de saúde locais através de uma divertida interface de acesso, inspirada pelo Sitegeist da Fundação Sunlight."

Data Driven Detroit quer informar o público e abordar "questões importantes da comunidade através do desenvolvimento de uma ferramenta interativa que ajuda moradores de Detroit a descobrirem e usarem dados relevantes sobre a cidade."

Keepr é "uma ferramenta de mineração de dados de código aberto para os jornalistas acompanharem últimas notícias, para que possam facilmente encontrar fontes de notícias de qualidade."

MoNeCa Core tornará mais fácil "capturar notícias geradas pela comunidade, através da criação de uma biblioteca de código-fonte aberto para capturar conteúdos multimídia por jornalistas cidadãos em aplicativos móveis."

!nstant é um "aplicativo móvel criado para verificar e fornecer o contexto para as últimas notícias nas redes sociais para que o público tenha uma avaliação mais precisa e uma imagem clara das notícias."

Center for Rural Strategies vai testar uma abordagem "para gerar notícias localizadas, impulsionadas por dados que os veículos de comunicação e outras organizações em condados rurais dos Estados Unidos podem usar para produzir matérias locais."

Universidade de Missouri está "desenvolvendo um sistema para coletar e relatar dados sobre barulho para melhorar problemas de poluição sonora em Columbia, Missouri [nos EUA], que será informado por eventos de hackers da comunidade e testes do protótipo."

Vizzuality "está construindo uma ferramenta de código aberto que permite que jornalistas e outros usuários transformem rapidamente dados, mapas e outros conteúdos em matérias interativas online para publicação."

Zago está "buscando tornar redações mais eficiente através da construção de um aplicativo móvel que permitirá o compartilhamento de dados seguros entre jornalistas e suas redações."

Você pode ver a lista completa dos vencedores neste comunicado (em inglês) e aprender mais sobre o fundo no blog da Knight Foundation.

O Prototype Fund aceita inscrições a cada três meses. O próximo prazo termina no 31 de janeiro. Você pode inscrever seu projeto aqui.

Foto sob licença Creative Commons, cortesia de DaNieLooP no Flickr