Editor de vídeo oferece colaboração em nuvem

por Margaret Looney
Oct 14, 2013 em Jornalismo multimídia

Seja um jornalista freelancer ou trabalhando em uma redação, quando você está produzindo um vídeo jornalístico, o trabalho em equipe é essencial. Da filmagem para a edição e mixagem de áudio, a equipe de produção pode consistir em um punhado de especialistas que trabalham em horários diferentes, às vezes em diferentes fusos horários.

A plataforma de edição de vídeo WeVideo, baseada em computação em nuvem (cloud computing, pode simplificar e acelerar o processo, acrescentando flexibilidade no fluxo de trabalho e a segurança que o seu material vai sempre estar com você.

O WeVideo permite colaborar com outros membros do projeto ou compartilhar suas bibliotecas de clipes. Se você está gravando um vídeo na rua e não tem tempo para edita-lo, basta carregar as imagens na sua conta e seus colegas na redação podem trabalhar no projeto.

Ao iniciar um novo projeto, há três modos de edição para escolher, com opções para edição de novatos e experientes. No modo "storyboard", você pode arrastar e soltar os clipes na ordem que quiser, cortar se necessário , aplicar um tema e uma trilha sonora, e o WeVideo fará o resto.

Se você já tem experiência em edição de vídeo, vai reconhecer o formato de linha de editor. Nesse modo, você tem mais controle sobre o seu produto final. Pode adicionar dublagens e efeitos de fade e fazer outras transições personalizadas.

O modo de editor avançado oferece mais flexibilidade e funciona bem para editores de vídeo profissionais que desejam colaborar em cloud. Esse modo apresenta múltiplas faixas de vídeo e de áudio e permite que você trabalhe com outros usuários em projetos compartilhados.

Você pode fazer upload de fotos, vídeo ou áudio do Google Drive, Instagram, Flickr, Facebook, Dropbox, Picasa e Box, ou diretamente de seu desktop. Também pode gravar vídeo ou áudio diretamente de seu microfone. Os clipes são armazenados online para que você acessá-los a qualquer momento.

Se você tem dificuldades em achar áudio sob licença Creative Commons, pode usar alguns dos clipes de áudio já disponíveis na plataforma para a música de fundo.

Se o seu vídeo não tem uma qualidade boa, pode fazer correções de cor, mudar os níveis de volume, adicionar efeitos e muito mais. Também pode aplicar (como no Instagram) um dos 26 temas livres para o seu vídeo --opções como " clássico ", " noir " e " fashionista". Cada tema inclui uma tipografia, transições e efeitos visuais originais.

Com a versão gratuita, você pode publicar o seu vídeo no WeVideo ou Google Drive. Com uma conta premium, pode publicar vídeos no YouTube , Vimeo ou Dropbox, ou baixá-los no seu desktop.

O recurso de colaboração está disponível apenas com a versão premium, que é mais acessível do que muitas plataformas de edição disponíveis no mercado. Por US$5 por mês ou US$50 por ano, você pode colaborar com até cinco outros usuários, acessar recursos de edição da mais alta qualidade e obter maior capacidade de armazenamento e exportação.

Com uma conta gratuita, pode fazer upload de 5GB de conteúdo e exportar 15 minutos de vídeo editado.

Se você sabe que vai trabalhar em um local onde WiFi é ruim, pode baixar o WeVideo Next, o aplicativo offline de desktop para o Chrome OS, e editar vídeos sem ter uma conexão à Internet.

Se você é uma jornalista de mochila, há também aplicativos de vídeo disponíveis para Android e iOS. Você pode capturar vídeo ou fotografias com o seu telefone que podem ser facilmente adicionados à sua conta. Com o aplicativo para Android, pode editar imagens, juntamente com o modo de "storyboard" e publicá-las no YouTube, WeVideo ou Facebook.

Para mais dicas, confira os tutoriais da WeVideo Academy aqui (em inglês).

Margaret Looney, assistente editorial da IJNet, escreve sobre as últimas tendências de mídia, ferramentas de reportagem e recursos de jornalismo.

Imagens do site WeVideo