5 passos para fazer o seu primeiro podcast

porMargaret Looney
Oct 8, 2015 em Jornalismo multimídia

Não é novidade que os podcasts estão de volta e estamos vendo jornalistas abraçando o meio para atingir o público de uma forma rentável.

"É importante pensar sobre o que [o podcast] pode fazer em termos de divulgar o seu nome lá fora. A barreira de entrada é bem baixa... Você pode começar gastando pouco dinheiro e ganhar uma grande exposição", disse Tiffany Campbell, editora executiva de digital da rádio WBUR em Boston, na conferência da Online News Association, em Los Angeles.

Durante o painel, A Beginner’s Guide to Podcasting", Campbell e Michael O’Connell, produtor do podcast It’s All Journalism, mostraram aos participantes como fazer um podcast de A a Z, com cinco passos fáceis:

1. Gravar

A tecnologia não tem que ser um enorme obstáculo ao seu podcast, mas você vai precisar de alguns itens antes de começar seu programa: um microfone, fones de ouvido, um gravador digital ou um laptop que pode gravar arquivos mp3.

Se você está gravando diretamente do seu dispositivo móvel, O'Connell recomenda ter um microfone externo para remover o ruído de fundo e geralmente recomenda um microfone e fones de ouvido para lhe dar melhor qualidade de som.

Se vão ter várias pessoas envolvidas em uma entrevista, um gravador digital é melhor para que você possa gravar várias faixas. Se está entrevistando pessoas remotamente, ele sugere Google Hangouts ou Skype.

Também pode ter todos os entrevistados gravados remotamente em seus próprios dispositivos e então enviar os arquivos para uma pessoa que vai editar todos os arquivos juntos. Campbell e O'Connell prepararam um documento do Google intensivo listando sugestões de equipamentos e aplicativos específicos.

2. Editar

Depois de gravar o podcast, você precisa importar o arquivo de mp3 a um programa de edição para fazer ajustes.

"Editar áudio é bastante básico, mas isso depende de que tipo de podcast você deseja fazer", disse O'Connell. "Se tudo o que você realmente quer fazer é ter uma conversa de duas pessoas ou uma entrevista com alguém, talvez você queira adicionar uma introdução, créditos de encerramento e algumas músicas."

Ele destaca Adobe Audition para aqueles que podem pagar ou baixar gratuitamente Audacity (há tutoriais no YouTube para editar com esta plataforma) ou GarageBand. Você pode ver a lista de software de edição de O'Connell para desktop e dispositivo móvel aqui.

3. Postar

Agora que o podcast está pronto, você tem que encontrar um lugar para publicá-lo. Há uma série de opções para isso, algumas que geralmente vêm com uma pequena taxa e outras que são gratuitas. "It’s All Journalism" utiliza Blubrry, que ele cita como muito fácil de usar, também se integra bem com o WordPress e tem planos de pagamento mensal. O'Connell aconselha usar um serviço de hospedagem que oferece analytics para que você possa acompanhar o crescimento do seu podcast.

O'Connell também recomenda SoundCloud "se você só quer publicar seu áudio na web rapidamente". Você só tem três horas de graça, mas também terá analytics para começar, um feed RSS (que você precisa para começar seu áudio no iTunes) e um player embutido que pode colocar no seu site. Há também contas premium disponíveis.

Veja mais opções de hospedagem e detalhes aqui.

4. Promover

Assim como qualquer matéria de jornalismo, criar o conteúdo é apenas o primeiro passo. "Lançar um podcast é bastante simples. Uma grande parte do trabalho duro que acontece é a promoção, divulgação", disse O'Connell. E isso significa ir além de apenas compartilhar nas mídias sociais, newsletters e seus canais de distribuição habituais.

"Não há nenhum YouTube para áudio", disse Campbell, estressando como é difícil encontrar áudio online. [Um podcast] não pode encontrar seu público da mesma forma que outro tipo de conteúdo pode fazer. A descoberta é um grande desafio."

Para fazer o seu podcast ser facilmente encontrado, certifique-se de escolher um site de hospedagem que dê um feed RSS, em seguida, use isso para colocá-lo no iTunes e Stitcher, um aplicativo que apresenta apenas rádio/áudio.

Tente ter uma página em seu site dedicada a cada podcast ou facilmente aberta em uma nova aba para que o URL do podcast específico seja facilmente compartilhável. Confira o site do "It's All Journalism" para ver um bom exemplo disso. Da mesma forma, mantenha SEO em mente ao escrever manchetes e texto para que o Google consiga encontrá-lo.

Use as mídias sociais, newsletters e seus canais de distribuição regulares além de apenas colocar links para sua página do podcast. Campbell deu a dica do podcast Call Your Girlfriend, cujos apresentadores usam o Tumblr para postar suas anotações, música e muito mais informações sobre tópicos e artigos falados durante o show.

Também tente formar parcerias com outras redes de podcast ou enviar seu trabalho para um diretório de podcasts como o r/podcasts no reddit. Fique ligado em um post de seguimento que vamos publicar sobre mais técnicas de promoção e distribuição.

5. Repetir

Parabéns por fazer o seu primeiro podcast. Agora faça o processo todo novamente. Tente ser consistente em relação à frequência com que você publica o áudio para que o público saiba quando esperar seu próximo programa.

"Um único artigo de áudio é apenas um áudio na web", disse O'Connell. "Se você quer fazer um podcast, mesmo que seja de forma limitada, deve planejar fazê-lo com base regular. Assim é que você constrói uma audiência."

Imagem sob licença CC no Flickr via Alexis Fam