4 ferramentas para tornar jornalistas e seus dados mais seguros

porMargaret Looney
Dec 24, 2013 em Jornalismo investigativo

Muitas investigações jornalísticas começam com dicas que chegam através de e-mail, mensagem de texto ou outros meios digitais. É mais fácil do que nunca que a informação caia nas mãos erradas. Assim, encontrar formas de manter o jornalista e seus dados seguros deve ser uma prioridade alta.

Por isso, a Freedom of the Press Foundation apoiou quatro ferramentas para ajudar a garantir a segurança de dados jornalísticos.

Ferramentas de criptografia de código aberto não são as primeiras que a fundação apoiou. A organização assumiu a gestão do "último presente para o jornalismo" do ativista de transparência Aaron Swartz. SecureDrop é um portal de envio que permite que delatores apresentem documentos e dicas através de uma conexão segura.

As ferramentas foram desenvolvidas por "especialistas de segurança comprovados que realmente confiamos, e acreditamos que estamos criando ferramentas que vão ser muito úteis para jornalistas e redações", Josh Stearns, membro do conselho fundador da fundação, disse à PBS MediaShift.

Estas quatro ferramentas compõem o conjunto de programas de criptografia da fundação:

Tails é um sistema operacional que você pode lançar ligando uma unidade USB, cartão SD ou DVD em um computador. Você pode navegar na web anonimamente, com cada conexão com a internet passando através da rede segura Tor. Jornalistas podem usar o sistema operacional para conversar anonimamente e compartilhar documentos, e todos arquivos, e-mails e mensagens instantâneas podem ser criptografados. 

LEAP Encryption Access Project se concentra na criação de conexões seguras para e-mail. Clientes padrão de e-mail conectam a um proxy local e o LEAP assume todos os serviços de criptografia, permitindo que o prestador de serviços criptografe todas as mensagens recebidas para que somente os destinatários possam lê-las.

Signal, que combinou as ferramentas RedPhone e TextSecure do Open WhisperSystems, gera uma passagem segura para a comunicação via telefone celular, criptografando automaticamente as chamadas telefônicas de celulares e as mensagens de texto. A ferramenta trabalha por traz das cenas, de modo a não interromper o fluxo de trabalho normal no seu celular.

Tor Project é uma organização que tem como objetivo apoiar uma maior segurança digital para todos através de uma série de projetos. Jornalistas usam frequentemente o Pacote Navegador Tor (Tor Browser Bundle), que lhes permite navegar na internet sem deixar um rastro de atividade na web ou revelar sua localização. É gratuito, de código aberto e disponível para Windows, Mac, Linux/Unix e usuários do Android.

Via PBS MediaShift

Margaret Looney foi editora-chefe e assistente editorial da IJNet.

Imagem sob licença CC no Flickr via garryknight