4 dicas para escrever melhor e mais rápido

por IJNet
Oct 5, 2012 em Jornalismo básico

Seja fechando uma matéria ou trabalhando em editorias simultâneas, o jornalista precisa ser capaz de escrever rapidamente. Mas manter a qualidade pode ser um desafio quando você está correndo contra o relógio.

Durante um bate-papo no Poynter, o especialista de redação e estrategista Roy Peter Clark, autor do "Writing Tools: 50 Essential Strategies for Every Writer," (em tradução livre, "Ferramentas de Escrita: 50 Estratégias Essenciais para Todo Escritor"), disse que todos os escritores podem se tornar mais rápidos. Ele compartilhou suas próprias dicas, bem como as de alguns dos mais rápidos escritores americanos.

Aqui estão as principais lições resumidas pela IJNet:

Organize o material de pesquisa e entrevista

Quanto mais organizada a sua reportagem, mais fácil será sentar e dar sentido a tudo. No final de cada dia de reportagens, Clark recomendou a repórteres analisarem seus blocos de anotações. Por exemplo, marque as notas, amplie suas observações de memória e destaque o melhor material. Em seguida, escreva um memorando para você mesmo sobre o que aprendeu e que informação ainda está faltando. Ao transcrever, comece selecionando as melhores citações e pense em como e onde poderia usá-las (no início, meio ou fim).

Para um grande projeto, Clark sugeriu um sistema de organização maior, como pastas grandes de arquivos. "Eu preciso de cartões de índice que correspondem a esses arquivos. Então, muitas vezes eu coloco os cartões sobre a mesa, criando uma espécie de mapa de localização para o meu material. Sem essas coisas, eu fico perdido, desanimado e meu trabalho fica mais lento. "

Se você escreve sobre vários temas, deve aprender a mantê-los separados. Por exemplo, coloque quatro caixas perto de sua mesa -- uma para cada uma de suas editorias. Durante o dia enquanto escrever dicas ou notas de informação, guarde-as nas caixas apropriadas.

Encontre o foco

O foco é o coração da matéria, a única coisa que você quer que os leitores se lembrem. A chave para escrever rapidamente é descobrir o foco o mais cedo possível. Você sempre pode mudar de ideia, mas se encontrar o foco nas fases iniciais de reportagem, pode apurar informações em seu apoio.

Para aprimorar o foco, filtre o material para encontrar o que Clark chama de "pepitas de ouro". Anote essas, pois elas podem ser colocadas estrategicamente ao longo da matéria.

Escreva e pronto

Você não precisa esperar até toda pesquisa ser feita para começar a escrever. No início do processo de escrita, a estratégia geral é começar, gerar a dinâmica e criar tempo suficiente para a revisão. Se a sua voz crítica começa a implorar por mais detalhes e revisões no início, "diga para sua voz se calar", disse Clark. Você pode trazê-la de volta durante a revisão.

Para escrever com urgência antes do prazo final, estabeleça um prazo artificial autoimposto e tente cumpri-lo. Assim, você pode ter tempo para deixar o seu artigo de lado por um ou dois dias, o que significa que pode voltar a ele mais tarde com um novo olhar. "Você vai perceber coisas que não viu durante a elaboração", disse Clark, "e trazer novos conhecimentos para a tarefa."

Pratique, pratique, pratique

Você pode não perceber, mas praticamos escrever rapidamente o tempo todo: enviamos mensagens de texto, tuitamos e escrevemos para amigos através de chats. De certa forma, isso ajuda a transformar a escrita em uma habilidade física, como a digitação. Tuitar notícias de última hora é outra boa maneira de praticar escrever bem rapidamente em formato curto.

Leia a conversa toda aqui (em inglês).

O Poynter Online, parceiro da IJNet e site do Poynter Institute, é uma escola que serve o jornalismo e a democracia há mais de 35 anos. O Poynter oferece notícias e treinamento para qualquer agenda, com orientação individual, seminários presenciais, cursos online, webinários e muito mais.

Foto cortesia de KatieKrueger usada com a licença Creative Commons