Recursos gratuitos para jornalistas multimídia

porSam BerkheadJul 18 em Jornalismo digital
iPhone

Criar histórias multimídia atraentes para a web não precisa ser um empreendimento dispendioso. Na verdade, muitas das ferramentas que você encontra online estão disponíveis gratuitamente ou pelo menos têm uma versão "freemium" que você pode usar em vez da versão paga.

Aqui está um resumo dos recursos de multimídia online mais essenciais para você começar:

Storytelling digital e agregação

Adobe SparkPage

O SparkPage da Adobe permite que você conte histórias dinâmicas e visualmente orientadas para a web. O SparkPage coloca o foco na fotografia: por isso, esta é uma ótima ferramenta para fotojornalistas. E se você já usa produtos da Adobe, pode vincular o SparkPage à sua conta da Adobe Creative Cloud para trabalhar em qualquer lugar.

Storyform

O Storyform, muito parecido com o SparkPage, é uma ótima plataforma para criar histórias impressionantes e orientadas a imagens. No entanto, o Storyform geralmente permite mais texto e recursos de vídeo. A plataforma usa inteligência artificial para combinar suas palavras, fotos e vídeos com o layout ideal. Esta demonstração é um ótimo exemplo do que o Storyform é capaz de fazer. A versão básica é gratuita, mas os usuários podem fazer um upgrade para uma versão paga com mais recursos.

Steller

O Steller é um ótimo aplicativo para quem quer transformar fotos, vídeos e textos em histórias otimizadas para celular. Quando a pessoa média passa 3 horas e 15 minutos no smartphone todos os dias, faz sentido produzir histórias voltadas para dispositivos móveis. Disponível para telefones iOS e Android.

Áudio

SoundCloud

Não apenas para mixtapes e remixes, o SoundCloud também se tornou popular entre os podcasters que hospedam seus áudios no site, já que pode incorporar clipes de áudio em qualquer artigo ou página da web. Mesmo que você não seja um podcaster ávido, ainda pode usar o SoundCloud para inserir pequenos clipes de áudio de entrevistas em suas histórias.

SoundCiteJS

Esta ferramenta permite que os leitores reproduzam clipes de áudio durante uma linha selecionada de texto, algo que o SoundCite chama de “áudio inline”. Dar aos leitores a capacidade de ler e ouvir ao mesmo tempo pode ajudar a tornar certas histórias mais vivas: por exemplo, reportagens sobre protestos podem usar o SoundCite para incorporar clipes de áudio dos sons das manifestações, ou artigos que se referem a um tipo de música podem incorporar um clipe de música. Se parece com isso:

Gráficos, gráficos e visualizações de dados

amCharts

Se você conhece o JavaScript, poderá usar o amCharts para criar tabelas e gráficos interativos e acessíveis para visualizar seus dados. Cada gráfico criado com esta ferramenta possui design responsivo e pode ser personalizado de acordo com praticamente qualquer variável. Bônus: O amCharts também possui funcionalidade de mapeamento.

Hohli

O Hohli permite que você crie gráficos de pizza, gráficos de barras e muito mais, de acordo com o Google Charts API. A ferramenta é bastante simples e fácil de usar: não é necessário conhecimento avançado de codificação. Basta inserir seus dados, clicar em "gerar" e incorporar sua nova visualização ao seu artigo.

Datawrapper

Outra ferramenta gráfica intuitiva e fácil de usar, o Datawrapper gera visualizações interativas e responsivas em minutos. O Datawrapper também permite personalizar suas visualizações para que você possa garantir que as marcas e as cores dos seus gráficos correspondam às da sua redação. A versão gratuita permite até 10.000 visualizações de gráficos por mês, com outras opções pagas disponíveis.

Interativos

ThingLink

O ThingLink é uma ferramenta simples que permite transformar qualquer gráfico impresso, como um infográfico, em uma imagem interativa. Glen Mulcahy, líder de inovação da RTE, usou o Thinglink para destacar seu hardware favorito de jornalismo móvel, aplicativos e acessórios. A versão gratuita inclui o editor de imagens e até 10.000 visualizações por mês. As versões pagas concedem acesso aos editores de vídeo e de imagem de 360°/VR do Thinglink.

Eko Studio

O Eko Studio é uma ferramenta de narrativa interativa gratuita que permite que os leitores e espectadores “configurem a história” conforme ela é contada. Se você está intrigado com a ideia de contar histórias multimídia atraentes com as quais as pessoas podem interagir, vale a pena conferir.

Mapas

Google Maps

O Google Maps não é apenas para encontrar o caminho pela cidade: Você também pode usá-lo para gerar mapas incorporáveis ​​para ilustrar suas reportagens. Basta selecionar o segmento do mapa que você deseja usar e clicar em "compartilhar ou incorporar mapa" no menu suspenso. Em seguida, você receberá um código de incorporação que poderá ser inserido no seu CMS.

Google Maps Engine

O Google Maps Engine vai um passo além, permitindo adicionar camadas sobre um mapa básico que mostre dados diferentes. Você pode escolher entre um mapa político, um mapa de satélite e mais para o seu mapa básico. A ferramenta também permite desenhar linhas, adicionar marcadores, adicionar direções e medir distâncias. O melhor? Você pode criar quantos mapas quiser e alterar os que você criou anteriormente.

ZeeMaps

Se as ferramentas de mapa do Google não ilustrarem suficientemente sua matéria, o ZeeMaps pode ser ideal para você. A ferramenta inclui recursos para construir mapas de calor, adicionar multimídia, criar marcadores personalizados e muito mais.

StoryMapJS

O StoryMap, outro projeto do Laboratório Knight da Northwestern University, é útil para mapear uma série de eventos que acontecem durante um certo período de tempo, tornando fácil criar narrativas abrangentes como resultado. Tem sido usado para mapear tudo, desde a expansão do Estado Islâmico até as aventuras de Arya Stark em Game of Thrones.

Linhas do tempo

Timetoast

Cronogramas são uma ótima maneira de abordar rapidamente os eventos que levam a uma notícia que você está abordando. O Timetoast permite criar cronogramas interativos fáceis de personalizar e compartilhar. Você pode visualizar suas linhas do tempo ao longo de uma visualização horizontal mais tradicional ou pode organizá-la como uma lista vertical.

TimelineJS

Outra ferramenta para construir cronogramas interativos, o TimelineJS permite linhas de tempo mais visualmente ricas e também permite importar mídia e dados de uma ampla variedade de fontes. Foi usado pelo Le Monde para cobrir as eleições presidenciais francesas, pela CNN para ilustrar a ambição nuclear da Coreia do Norte e mais.


Imagem principal sob licença CC Flickr via UN Geneva