Bolsa de jornalismo foca em direitos humanos

Publicado em Aug 20, 2020 em Jornalismo investigativo

Jornalistas que cobrem a sociedade civil, mídia, gênero, trabalho, LGBTQI + ou direitos ambientais e indígenas na África podem se inscrever neste programa.

O Consórcio para a Promoção dos Direitos Humanos, Liberdades Cívicas e Desenvolvimento da Mídia na África Subsaariana (CHARM-AFRICA) organiza uma bolsa de jornalismo entre setembro de 2020 e fevereiro de 2021.

As bolsas são parte do trabalho contínuo do CHARM-Africa para proteger e expandir o espaço para organizações da sociedade civil e defensores dos direitos humanos, bem como estimular e aumentar a eficácia da mídia independente e do jornalismo na região.

Quatro candidatos serão selecionados. Esta bolsa inclui um prêmio em dinheiro de US$3.000, acesso a fontes e eventos de networking.

Jornalistas que fazem reportagens em inglês, francês, espanhol, árabe ou português podem se inscrever. Será dada preferência a jornalistas que possam produzir conteúdo para diferentes plataformas.

As inscrições vão até 28 de agosto.